Instalação do Metatrader 5 no Linux (plataforma de negociação Forex e Bolsa de Valores B3)

Para instalação do Metatrader 5 no Linux precisamos do wine 32-bits.

1) instale o wine versão desenvolvimento da sua distro (foi a que funcionou neste momento pra mim)

sudo apt install wine-development

2) Baixa a plataforma Metatrader 5 para PC pelo site oficial.

3) Execute o comando para instalar a plataforma Metatrader 5

wine mt5setup.exe

4) Melhore a aparência das fontes ajustando a resolução da tela e gerenciamento da janela do wine (eu prefiro assim)

winecfg

Altere os valores grifados na imagem.

winecfg

Bons traders!!!

Testado no Ubuntu 19.04

Instalando o Sicoob NetEmpresarial no Linux

Para maior compatibilidade com o Sicoob NetEmpresarial, eu utilizo a instalação do oracle java 8 (atualmente o recomendado pelo suporte do Sicoob). Instruções de Instalação aqui.

Os comandos abaixo esta considerando que o sicoobnet foi instalado no diretório /home do usuário

Instalando o Sicoob NetEmpresarial

1) Clique aqui para fazer download do instalador do Sicoobnet Empresarial.

2) Após o download, execute o arquivo Java “InstaladorSicoobnetEmpresarial”.

javaws InstaladorSicoobnetEmpresarial.jnlp

3) O dialogo abaixo será apresentado, então acione o botão “Executar”.

4) A janela do Sicoobnet Empresarial Instalador abrirá, então acionar o botão “Clique aqui para iniciar a instalação” para iniciar a instalação do Sicoobnet Empresarial.

Obs. se necessário altere o diretório para a instalação

 

5) Aguarde enquanto o Sicoobnet Empresarial é instalado. Quando a instalação for concluída o Sicoobnet Empresarial será iniciado automaticamente. Neste momento, o Sicoobnet Empresarial está instalado e um atalho para a aplicação encontra-se no Desktop.

Criando entrada no menu do gnome-shell

Considerando que o Sicoobnetempresarial foi instalado no diretório /home do úsuário logado.

1) Crie um arquivo executável, com nome ‘sicoobnet.sh’, em /usr/local/bin, com o seguinte conteúdo;

#!/bin/bash
cd ~/Sicoobnet &
java -jar office.jar

2) após criá-lo, dê permissão de execução

sudo chmod +x /usr/local/bin/sicoobnet.sh

3) copie o icone para /usr/share/icons

sudo cp ~/Sicoobnet/SicoobEmp001.ico /usr/share/icons

4) Crie um arquivo, com nome sicoobnet.desktop, em ~/.local/share/applications com o conteúdo abaixo;

[Desktop Entry]
Version=1.0
Name=SicoobNet
# From Ubuntu’s language-pack-kde-XX-base packages, version 9.04-20090413.
GenericName=Gerenciador Financeiro SicoobNet

GenericName[fil]=Gerenciador Financeiro SicoobNet

# Gnome and KDE 3 uses Comment.
Comment=Gerenciador Financeiro SicoobNet
#Exec=/usr/local/bin/./sicoobnet.sh
Exec=sicoobnet.sh
Terminal=false
Icon=/usr/share/icons/SicoobEmp001.ico
Type=Application
Categories=restart;Finance;
MimeType=
Actions=

[Desktop Action NewWindow]
Name=New Window

#Exec=/usr/local/bin/./sicoobnet.sh
Exec=sicoobnet.sh

[Desktop Action NewPrivateWindow]
Name=New Incognito Window

#Exec=/usr/local/bin/./sicoobnet.sh –incognito
Exec=sicoobnet –incognito

 

Testado no Ubuntu 19.04

Fonte: https://empresarial.sicoobnet.com.br/instalador/instalarSicoobnetEmpresarial.jsp

 

Instalação do oracle java 8 manualmente Linux

Considerações;

Não foi instalado nenhuma versão do oracle java ou openjre ou openjdk no sistema.

Caso tenha instalado seguir procedimentos para desinstalação segundo o site fonte deste post.

1) Se seu sistema é de 64 bits, use o comando abaixo para baixar o Java. Se o link estiver desatualizado, acesse essa página, baixe a última versão e salve-o com o nome jre-linux.tar.gz;

wget https://javadl.oracle.com/webapps/download/AutoDL?BundleId=239848_230d

2) Depois de baixar, crie a pasta “” em “/usr/lib” com o comando:

sudo mkdir /usr/lib/jvm

3) Execute o comando abaixo para descomprimir o pacote baixado, para a pasta criada;

sudo tar zxvf jre-linux.tar.gz -C /usr/lib/jvm

3) Renomeie a pasta criada. Se ao executar o comando abaixo ocorrer um erro com a mensagem iniciando com “mv: é impossível sobrescrever o não-diretório”, pule este passo;

sudo mv /usr/lib/jvm/jre*/ /usr/lib/jvm/jre

4) Crie um link simbólico para a pasta criada;

sudo ln -s /usr/lib/jvm/jre /usr/lib/jvm/java-oracle

Como configurar o ambiente Java no Linux manualmente

Para configurar o ambiente Java no Linux manualmente, faça o seguinte:

1) Crie uma cópia do arquivo /etc/profile;

sudo cp -a /etc/profile /etc/profile.original

2) Agora abra o arquivo com seu editor de texto favorito;

sudo gedit /etc/profile

3) Digite ou cole (recomendável) o texto abaixo dentro do arquivo, mais exatamente pouco depois das primeiras linhas (os comentários com símbolo # no inicio da linha). A seguir, salve e feche o arquivo;

JAVA_HOME=/usr/lib/jvm/java-oracle/
PATH=$JAVA_HOME/bin:$PATH export PATH JAVA_HOME
CLASSPATH=$JAVA_HOME/lib/tools.jar
CLASSPATH=.:$CLASSPATH
export  JAVA_HOME  PATH  CLASSPATH

Java no Linux manualmente: veja como Instalar
4) Reinicie o sistema para efetivar a mudança;

sudo reboot

Obs. Para a instalação de plugins de navegadores e teste do java, seguir para o link da fonte

Testado no Ubuntu 19.04

fonte: https://www.edivaldobrito.com.br/instalar-java-no-linux-veja-como-fazer-isso-manualmente/

 

Formatando e criando pendrive bootavel pelo terminal Linux

Primeiro vamos listar os discos que estão na nossa máquina, com o comando:

$ sudo fdisk -l

Identificado o nosso pendrive de 8GB (7,6GB), que no caso é o /dev/sdb. O próximo passo é desmontá-lo. Neste caso temos o /dev/sdb1 e /dev/sdb2 então vamos desmontar os dois com os seguintes comandos:

$ sudo umount /dev/sdb1
$ sudo umount /dev/sdb2

Com o pendrive desmontado vamos agora formatar (só faça este procedimento caso tenha plena certeza do que está fazendo) o mesmo, com o seguinte comando:

$ sudo mkfs.vfat -I /dev/sdb

Com o pendrive formatado vamos agora colocar nossa imagem do sistema no pendrive.

$ sudo dd if=CentOS-6.5-x86_64-bin-DVD1.iso of=/dev/sdb && sync

Espere ate o terminal sinalizar que terminou e pronto, já pode ser usado.

Testado no Ubuntu 19.04

fonte: https://byteslivres.com.br/blog/formatando-e-criando-pendrive-bootavel-pelo-terminal-linux/

Redimencionando o /tmp – Archlinux

Recentemente tentando instalar um pacote pelo yaourt, deu erro por falta de espaço no /tmp.
Pesquisei e encontrei a forma de redimencionar o /tmp com o comando abaixo.

$ mount -o remount,size=4G,noatime /tmp

Para descobrir quanto de espaço esta destinado para o /tmp, utilize o seguinte comando;

$ df -h /tmp

fonte: https://www.vivaolinux.com.br/topico/ArchLinux/Falta-de-espaco-no-dispositvo

Root de forma fácil no Android Cyanogenmod 12 Lollipop 5.0.2

Sem precisar instalar nada habilitei o root no Android Lollipop no velho de guerra Samsumg Galaxy S2.

Vá para “configurações” > “sobre o telefone” > clica 7 vezes na opção de “numero da versao” até dar a mensagem que deu certo, depois vá para “opções do desenvolvedor” e habilita “acesso root para aplicações e ADB”

Pronto, já habilitei o root.

No meu caso funcionou. espero que pra voce também funcione.

Fonte: video youtube

Placa gráfica hibrida (nvidia + intel + bumblebee) no archlinux

Instale com os seguintes pacotes, se já tiver instalado algum tem que reinstalar para não dar conflito.

$ sudo pacman -S bumblebee bbswitch primus virtualgl lib32-primus lib32-virtualgl mesa-demos mesa xf86-video-intel lib32-nvidia-utils lib32-mesa-libgl lib32-mesa nvidia

Acrescenta o usuário para o grupo bumblebee

$ sudo passwd -a usuário bumblebee

Habilita o bumblebeed.service e reboot o sistema

$ sudo systemctl enable bumblebeed.service

Teste se esta funcionando

$ optirun glxgears -info

Se falhar, tente este comando.

para sistema 64 bit

$ optirun glxspheres64

$ primusrun glxgears

mais detalhes consulte a fonte: wiki archlinux